• Ronaldo Terra

Lei que reduz tempo para solicitar cidadania canadense é aprovada no Senado

Uma excelente notícia para aqueles que almejam a cidadania canadense. O mês de Maio começou com quentes e importantes informações no “mundo da imigração”, pois o Senado aprovou ontem (03) o projeto de Lei (C-6) que muda a legislação sobre cidadania canadense. A Lei reduz a quantidade de tempo que os residentes permanentes (RP) precisam viver no Canadá para se tornar elegíveis para solicitar a cidadania, ou seja, de quatro a seis anos para de três a cinco anos.

Segundo informações do Boletim da Imigração, imigrantes seriam capazes de solicitar a cidadania mais cedo e de maneira mais fácil. Além disso, candidatos que passaram algum tempo no Canadá em status temporário – como em uma licença de trabalho ou estudo – também seriam capazes de contar uma parte deste tempo para a exigência de três anos.

O projeto de lei também sugere um número maior de candidatos que serão isentos de requisitos de proficiência linguística para garantir a cidadania. O projeto de lei aprovado pela Câmara em 2016 colocou uma faixa etária de 18 a 54 anos para testes de idiomas, mas foi alterado para 18 a 60 no Senado após uma emenda apresentada pela Senadora Diane Griffin.

Ainda de acordo com a publicação, outra emenda apresentada permitiria que os menores solicitassem a cidadania sem a contribuição dos pais ou responsáveis uma vez que, segundo as leis já existentes, pais e filhos são tratados como uma unidade ao se candidatar. Por exemplo, se a solicitação de cidadania dos pais for rejeitada, as crianças ou a criança incluída no arquivo também não poderão obter cidadania. Nesse caso, a criança tem que esperar até a idade de 18 anos para fazer outro pedido.

Aproveite e conheça alguns dos nossos programas de intercâmbio. #VáDeExcel.

Com informações de Canada Immigration Newsletter

Leia Também:

Tire você mesmo seu visto canadense

Novas regras no Express Entry

Empregos no Canadá: Trabalhos mais ofertados no País para 2018

0 visualização