Faculdade no Canadá? Saiba como funciona, valores e muito mais.

Atualizado: Fev 10


Faculdade no canada: tudo que precisa saber.
Faculdade no canada: tudo que precisa saber.

Estudar fora do país é uma experiência que pode mudar sua vida, e cada vez mais pessoas escolhem o Canadá como destino para obter uma formação acadêmica.

Além de ter uma das melhores qualidades de vida do mundo, o país tem 21 universidades entre as 500 melhores do mundo, segundo o QS World University Rankings. Em 2018, o país recebeu mais de 570 mil estudantes internacionais, sendo a grande maioria da Índia e China.

As instituições financeiras oferecem programas de estudo com qualidade altíssima e preço competitivo. Além disso, o custo de vida no país é muito mais baixo do que em países como Estados Unidos e Reino Unido, e alunos que concluem um curso superior tem grandes chances de se tornarem imigrantes permanentes no futuro.

Caso você seu objetivo seja estudar no Canadá, o ideal é começar o planejamento com pelo menos um ano de antecedência, pois é preciso tempo e paciência para candidatar-se em uma universidade, reunir todos os documentos necessários e providenciar o visto a tempo do início do ano letivo.

As exigências podem variar de acordo com cada província e instituição de ensino, mas geralmente será preciso comprovar seu conhecimento na língua (inglês ou francês) com um teste de proficiência, e provar que você tem os recursos necessários para se sustentar no país durante os estudos.

Abaixo detalharemos o processo de planejamento e inscrição em um programa de estudos no Canadá para que não restem dúvidas.

Primeiros passos em direção a sua faculdade no Canadá

No Canadá, toda formação obtida após a conclusão do ensino médio é considerada post-secondary education. Programas de ensino superior são oferecidos por colleges e universidades.

Os colleges oferecem cursos geralmente mais práticos, voltados aos estudantes que querem estudar e ingressar rapidamente no mercado de trabalho. Já as universidades têm um perfil mais teórico e acadêmico, voltados principalmente para aqueles que desejam seguir carreira em áreas como engenharia ou medicina, por exemplo.

Isso não quer dizer que uma seja melhor que a outra, apenas que cada tipo de instituição é mais adequada para diferentes tipos de perfis e objetivos.

Dito isso, o primeiro passo é pesquisar e escolher um ou mais programas de estudo que você tenha interesse. Para isso, é possível utilizar esta ferramenta do governo canadense, que permite buscar programas em todo o país e filtrar os resultados de acordo com o nível de educação, área de estudos e localização. Os sites Universities Canada e Study in Canada também oferecem ferramentas parecidas, com milhares de programas cadastrados.


As informações mais completas e atualizadas sempre estarão nos sites das universidades, por isso não deixe de utilizá-los também.

É importante lembrar que apenas instituições designadas podem receber estudantes estrangeiros. Para isso, é preciso consultar a lista das Designated Learning Institutions (DLI) para confirmar que a instituição esteja na lista.

Para quem deseja estudar em francês no Canadá, o site da Assotiation des collèges et universités de la francophonie canadienne (ACUFC) pode ser útil.

Diferenças entre faculdade no Brasil e faculdade no Canadá

Uma das principais diferenças entre o ensino superior do Brasil e do Canadá está na nomenclatura. Enquanto no Brasil os estudantes fazem se formam em um “curso”, como de direito, administração ou farmácia, no Canadá os formandos possuem um major e um minor. O major é sua área de graduação, na qual você pretende seguir carreira. Um minor é uma área secundária, na qual o aluno cursou algumas disciplinas, podendo ser relacionado ou completamente diferente da sua área de especialização. Por exemplo: é possível ter um major em biologia e um minor em sociologia. A grade de disciplinas geralmente é montada pelos próprios alunos, respeitando uma quantidade mínima de créditos para graduar-se.

Outra diferença diz respeito ao pagamento. A maioria das universidades no Canadá exigem o pagamento da tuition do semestre em parcela única, e não em mensalidades, como ocorre no Brasil. O que muitas pessoas fazem é financiar o valor com um banco no Brasil, já que os bancos canade